Kind of princess.
texto aqui, blablablbala blablabla blablabla blablabla blablabla blablabla blablabla blablabla blablabla
home page askbox redes sociais b.f.f.f. follow me good bye
THEME

E lá estava eu, tinha apenas completado meus 15 anos e minha mãe me levou ao médico para tomar a tal vacina dos 15. Ao chegarmos no posto de saúde da minha cidade, minha mãe resolve pedir ao médico exames de rotina, pra mim e para ela. Tiramos sangue, e o médico se encarregou de fazer os exames. Eu e minha mãe continuamos nossa vida normalmente, eu indo sempre a escola e ela ao trabalho. Depois de um mês, mamãe foi buscar nossos exames no laboratório, ao chegar em casa me abraçou e colocou-se a chorar. Eu sem nada saber fiquei pensando no motivo pelo qual minha mãe estava tão apavorada. Ela já mais calma, me disse que os exames rotineiros pelo qual passamos, havia identificado uma grave doença em meu coração. O médico ao explicar á mamãe a doença, á disse também que me restavam apenas mais um mês de vida. Ao saber da notícia não quis acreditar.
- Porque Deus, ? Porque comigo? Porque agora? Por quê? , por quê?
minha mãe com voz de consolo tenta me consolar, dizendo-me que tudo ficará bem e que procurariamos um médico especialista para cuidar do meu caso, da minha DOENÇA .
 depois deste dia minha vida já não era a mesma, as pessoas ao meu redor não pareciam ser as mesmas que eu havia conhecido á alguns dias atrás, elas me tratavam como uma pessoa impossibilitada, uma pessoa DOENTE e isso me deixava cada vez pior. Passaram-se uma semana, e eu vivendo minha vida, ou, pelo menos, tentando vive-la da melhor maneira possível. Até que um dia de manhã, ao chegar na escola Daniel veio em minha direção com cara de espanto. Daniel era o menino pelo qual eu era apaixonada desde os 12 anos. Estranhei a vinda dele até mim, pois desde que ele soube que eu o amava, ele se afastou de mim, pois não sentia o mesmo.  Daniel estava se aproximando, cada vez mais, e eu angustiada querendo saber o que o menino que eu amava queria comigo. Ao chegar até mim ele diz:
- Oii Paola, (: soube que você está passando por algumas dificuldades e resolvi vir pedir se posso te ajudar de alguma maneira :s
eu sem saber quem havia lhe contado sobre minha doença, perguntei:
- Oi, pois é, eu tenho uma grave doença no coração e me restam apenas um mês de vida Daniel.   :/
o menino ficou calado por cerca de cinco segundos e retornou a falar:
- e essa doença não teria cura ?
- não, na verdade ela tem cura sim, mas a cura dela seria um novo coração, um coração saudável e cheio de vida, mas para isso, alguém deveria praticamente morrer no meu lugar.
Daniel apenas balança a cabeça, me dá um abraço e sai e eu retorno as aulas. Faltavam 20 minutos para irmos para casa e eu ao levantar da cadeira, desmaio. Os diretores ligam para minha mãe e ela vem me buscar, me leva ao hospital e lá eu fico por nove meses. Os médicos fazem centenas de exames comigo, e revelam a minha mãe que apenas um transplante de coração me faria voltar para casa, ao contrário, eu ficaria no hospital até meu coração parar de vez. Minha mãe sai do hospital e informa aos diretores da minha escola o que havia ocorrido, e pede á ela que avise a meus colegas. Á noite Daniel aparece no quarto em que eu estava no hospital, ele senta ao meu lado e põe-se a chorar. Eu sem saber o motivo pergunto á ele o que havia acontecido. Ele então responde:
- eu sempre te amei, mas sem coragem de lhe dizer guardei isso apenas pra mim, não lhe contei com medo de que você já havia me esquecido, afinal, passaram-se três anos desde que eu soube que você me amava.
- como isso Daniel ? eu te amo e você sabe disso, sempre soube, mais isso agora pouco importa, pois já estou nos meus últimos dias de vida.  E como posso saber se você está mesmo falando a verdade ? que não está rindo da minha cara por trás ?
ele apenas me dá um beijo na testa e sai de meu quarto. No dia seguinte o médico dá a noticia para mim de que já havia um doador para meu transplante de coração, mas, não  informa quem seria este doador.
 No mesmo dia fizemos o transplante e ocorreu tudo bem, eu já estava com um coração saudável e poderia continuar minha vida normalmente.
 depois de alguns dias já pude voltar a ir a escola, e fui correndo procurar Daniel, fui aos lugares que ele frequentava ficar todos os dias, e não o encontrei. Ao entrar na sala de aula, me deram a notícia de que Daniel havia me dado seu coração. Fiquei em estado de choque e resolvi saber mais sobre isso. Liguei para a mãe de Daniel e ela me pediu para que fosse até sua casa, pois tinha um presente a me entregar.
 Depois da aula passei na casa da família de Daniel e a mãe dele já me esperava. Entrei e ela chorando me entregou uma carta que Daniel havia me deixado. Na carta dizia:
- Paola, logo depois que saí do hospital, já sabia o que fazer para provar-lhe que eu á amo, sempre á amei, e vou amar mesmo que a morte nos separe !  Lhe dei meu coração como prova do meu amor e da minha fidelidade. Só pesso para que cuide dele, como se ele fosse seu , pois agora ele É SEU. Eu te amo, minha vida.
eu já chorando saí da casa da família de Daniel, e percebi o quanto ele me amava. Só pesso á você que está lendo isso, que nunca duvide do quanto a pessoa te ama, ela pode não demonstrar, mas você significa muito á ela.


  1. inahhammesposts reblogged this from without-tears
  2. manu-fontes reblogged this from babiborgees
  3. babiborgees reblogged this from without-tears
  4. biavicentim reblogged this from without-tears
  5. cannabbiiss reblogged this from without-tears
  6. bitchyprincessposts reblogged this from without-tears
  7. heart-delu-ded reblogged this from without-tears
  8. todo-mundo-pode-sonhar reblogged this from without-tears
  9. meninadavida-semvoce reblogged this from without-tears
  10. geovannanayara reblogged this from without-tears
  11. coca-coladodeserto reblogged this from without-tears
  12. dreamers-deads reblogged this from phases-a-of--girl
  13. phases-a-of--girl reblogged this from without-tears
  14. sutravassos reblogged this from without-tears
  15. the-great-love-of-my-life reblogged this from atorredechocolate
  16. atorredechocolate reblogged this from without-tears
  17. sonhosdeuma-lerda reblogged this from without-tears
  18. without-tears posted this